Outras informações

Moçambique oferece uma diversidade de serviços principais e complementares para uma estadia em qualquer que seja o local. Os serviços prestados por bancos, instituições públicas, companhias de seguro, de transporte, mercados, entre outros, são de carácter indispensável na sua estadia e conhecer a moeda em uso no território nacional, os horários de funcionamento normal, as formas de comunicação, os bancos disponíveis é imprescindível para uma permanência tranquila.

 

Aeroportos: Moçambique tem uma rede de aeroportos que permite a deslocação rápida e segura para qualquer parte do país. Os aeroportos de Maputo, Beira e Nampula estão abertos ao tráfego internacional e os de Pemba e Vilanculos apenas ao tráfego regional.

 

Fronteiras Terrestres: Existem em Ressano Garcia (06H00-24H00), Namaacha (06H00-20H00), Goba (06H00 20H00), Ponta d`Ouro (06H30-17H30), Machipanda (06H00-18H00), Cuchamano (06H00-18H00), Zóbwè (06H00-18H00), Milange (06H00-18H00) e Mandimba (06H00-18H00). Recomenda-se aos viajantes a chegada à fronteira com alguma antecedência em relação à hora de encerramento.

 

 Portos: Portos de Maputo, Beira, Nacala e Pemba.

 

 Alfândega

À chegada, o visitante deverá declarar os artigos sujeitos a taxas aduaneiras. Estão isentos destas taxas e demais imposições aduaneiras: objectos de uso pessoal tais como vestuário, livros, máquinas fotográficas e de filmar, bens contidos na bagagem dos visitantes até aos seguintes limites:
- Tabaco: 400 cigarros ou 100 cigarrilhas ou 50 charutos ou 250 gramas de tabaco para fumar;
- Bebidas alcoólicas: 1 litro de espirituosas e 2,25l de vinho;
- Perfumes: 50ml de perfume;
- Especialidades farmacêuticas: quantidades razoáveis para o consumo próprio;
- Outros artigos cujo valor não exceda os USD 50.

Algumas dicas importantes para os visitantes:

- São proibidos os narcóticos e material pornográfico.
- O transporte de armas necessita de uma licença especial.
- Para qualquer pagamento feito à Alfândega, deve ser solicitado o correspondente recibo.
- Para a entrada de veículos em viagens de turismo ou negócios, pertencentes ou conduzidos por não residentes é necessário obter-se uma licença de importação temporária na instância aduaneira de entrada.
- Os veículos importados temporariamente não podem ser vendidos ou emprestados e os proprietários devem ter sempre presente o documento comprovativo da importação temporária.

 

Identificação: É obrigatório o porte permanente de um documento de identificação ou de uma fotocópia autenticada do mesmo.

 

Correios: O serviço de correios está implantado nos principais centros urbanos. A DHL e o EMS também estão disponíveis.

 

Condução: A condução em Moçambique é feita pela esquerda. O condutor deve ser portador do documento de identificação, carta de condução internacional, registo da viatura, certificado de seguro da viatura válido no País. O uso de cintos de segurança é obrigatório e o carro deverá dispor de triângulo de pré-sinalização de perigo. O acesso a algumas zonas do País depende das condições climatéricas pelo que os condutores devem obter informações sobre os itinerários a percorrer antes do início da viagem. 

 

Feriados

São feriados em Moçambique, os seguintes dias:
01 de Janeiro - Ano Novo                                                                                                   03 de Fevereiro - Dia dos Heróis Moçambicanos
07 de Abril - Dia da Mulher Moçambicana                                                                      01 de Maio - Dia do Trabalhador
25 de Junho - Dia da Independência                                                                                07 de Setembro - Dia dos Acordos de Lusaka
25 de Setembro - Dia das Forças Armadas                                                                     04 de Outubro - Dia da Paz
25 de Dezembro - Dia da Família

Boletim Informativo

Assine a newsletter do Visitmozambique e receba as principais notícias sobre Turismo por e-mail.